Nas lojas e feiras de artesanato, encontra-se a viola de cocho, um dos símbolos culturais de Mato Grosso. Com a caixa de ressonância feita de madeira escavada, o instrumento é original do Pantanal e, acompanhado pelo mocho, instrumento de percussão com estrutura em madeira, e pelo ganzá, uma espécie de chocalho, faz parte dos festejos tradicionais mato-grossenses.

Outros tipos de artesanato, como as tradicionais redes tropeiras lavradas – ou bordadas –, as peças em madeira típicas das localidades ribeirinhas do Rio Cuiabá, a cerâmica de São Gonçalo e a cestaria feita com taquara, palha de buriti e cipó urubamba, também fazem parte da cultura local e são extremamente originais.

Os artefatos produzidos nas aldeias indígenas destacam-se, como sempre, por sua beleza e qualidade. Criações locais e da Reserva Indígena do Xingu podem ser encontradas na Casa do Artesão.