Ilha da Magia. É assim que Floripa gosta de ser chamada. E ela merece. São tantas e tão variadas as maravilhas dadas de presente pela natureza à cidade ou criadas por seus habitantes, que, ao chegar à Ilha de Santa Catarina, o visitante sente-se como que transportado para uma terra encantada.

As praias são mais de 30, cada uma com seu perfil particular. Águas mansas nas praias das baías, ondas beach break maneiras, para os iniciantes do surfe, ondas altas, cheias e fortes, para os mais experientes, e até ondas de areia, para a prática do divertido sandboard. Praias do tipo crowd, cheias de gente, ou do tipo paz de espírito, praticamente desertas. De quebra, mergulho, passeios de barco, trekking, cicloturismo e muita animação.

Do lado cultural, as fortalezas que protegeram a ilha contra as invasões da época colonial, os museus históricos, os museus de arte e as localidades, como Santo Antônio de Lisboa e Ribeirão da Ilha, que guardam antigas tradições açorianas e ainda mantêm um ar dos velhos tempos.

Esse é apenas o começo. Há muito ainda para se admirar nessa ilha mágica rodeada de mar turquesa.